Suporte

Google quer criar um relógio que tira sangue sem usar agulhas

Data de publicação: 2015-12-07

A Google fez o pedido formal para a patente de um smartwatch (relógio inteligente) que permite retirar uma pequena amostra de sangue sem recurso a agulhas, assim como ajudar os diabéticos a monitorizar mais facilmente os seus níveis de glucose sem necessidade de picar o dedo. Aideia, que ainda está apenas numa fase muito inicial, é precisamente tornar mais fácil e indolor o processo, de forma a ajudar particularmente quem sofre de diabetes.

Uma vez que ainda aguarda o pedido de patente, a Google pouco revelou sobre o funcionamento do suposto dispositivo, as suas potenciais utilizações ou mesmo quando ou como vai ser criado. Apenas levantou uma pequena ponta do véu sobre o pedido da patente, onde fica claro que a ideia criar um sistema de recolha de sangue que funciona através do envio de um gás que contém micropartículas que perfuram a pele. Assim que o sangue é libertado pela pele é "sugado" para o dispositivo através de pressão negativa.

"Uma aplicação deste género pode ser utilizada para gerar uma pequena quantidade de sangue, suficiente por exemplo para fazer um teste de glucose", escreve a Google no pedido de patente.

Segundo os diagramas divulgados com o pedido de patente, o dispositivo assumiria a forma de um pequeno tubo cilíndrico que ficaria alojado numa espécie de relógio, para transportar, mas que seria removido do relógio aquando da utilização.

A Google tem uma várias patentes na área médica e da saúde, como lentes de contacto inteligentes e controladores de glicose. Certo é que mesmo que consiga patentear a ideia, nada indica que a Google vai mesmo criar o dispositivo. "Temos patentes das mais variadas ideias, algumas delas amadurecem e transformam-se em produtos reais, outras nunca passam de ideias", disse fonte da multinacional à The Verge.

Fonte:Observador

 

 



Voltar
Peça já um orçamento